23 fevereiro 2012

Blogagem Coletiva do Maes Internacionais - O clima na Italia

Voltamos com mais uma Blogagem Coletiva do Mães Internacionais e o tema da vez é: clima. Como é o clima aqui na Itália e como isso afeta o meu dia-a-dia, a rotina e a família.


Bom, falar de clima da Itália de uma maneira única seria generalizar demais, já que isso é relativo à região onde você mora. Eu, no caso, moro na Emilia Romagnia, no norte da Itália. O clima aqui é bem diferente do Brasil, já que temos as 4 estações do ano bem definidas. Verão é calor de 40°, no inverno é 0°, na primavera e outono as temperaturas variam, sendo o outono um pouco mais frio que a primavera. Um dia eu aprendi na escola sobre as 4 estações do ano, mas na verdade só fui conhece-las depois de18 anos, quando fui morar na Espanha.

Minha mãe mora aqui na Itália há 6 anos, e eu, apesar de estar há apenas 7 meses aqui, sempre vinha visita-la, então acabei andando por essas terras em todas as estações do ano. Agora ainda estamos no inverno. No começo deste inverno, as temperaturas não estavam tao baixas assim. Estavam acima de 3°, até o começo deste mês de fevereiro(sendo que o inverno começou em dezembro). Depois disso, as temperaturas negativas chegaram com toda força e a neve também. Tivemos semanas de frio intenso, e temperaturas negativas que chegaram à -18°.

Lidar com o frio, não é uma coisa que eu faça com prazer. Não curto o frio para nada. Juro. Sou da praia, do sol, do mar, do verão, do calor. Ai que delicia. Frio só é bonito por umas semaninhas, depois torna-se deprimente, pelo menos pra mim. Luigi nasceu no outono. Não estava tãããão frio assim, e mesmo que tivesse, o frio não impede a gente de sair na rua, e fazer o que tem que fazer.

A única coisa que impede é a preguiça que o mesmo nos da, de se empacotar completamente e sair às ruas, como pequenos embrulhos ambulantes. Aqui em todos os lugares tem calefação. Os restaurantes, hospitais, bares, transportes públicos, o carro particular, e inclusive na sua casa. Então, pra quem tem carro, trabalha e frequenta lugares fechados, praticamente não sente o frio. Masssss para mim, que não tenho carro, e sempre tenho que ir andando para todas as partes, eu sinto o frio muito bem sentido, diga-se de passagem.

O ritual de colocar casacos, luvas, tocas, cachecol em mim e na cria, é realmente chato. Isso acontece a cada entrada e saída de algum local. Sem contar que o carrinho do Luigi tem uma proteção contra o frio, do mesmo material do carrinho, então é um tira de cá, tira de la, coloca de cá, coloca de la que realmente enche o saco. Luigi odeia se empacotar, sempre se irrita ao colocar o casaco. No carrinho, fica apenas com o rostinho de fora, e não pode nem virar a cabeça. Quando quer olhar alguma coisa, apenas mexe os olhos.



Meu pacotinho


Pra mim, o frio é triste. Você não tem vontade de sair de casa, de ter vida social, de se divertir. Fico a maioria dos dias em casa, até porque não sei se é a região onde eu moro, mas os bebes aqui vivem doentes nessa época. Acho horrível, e acabo não expondo o Luigi muito à essa mudança de quente pro frio, frio pro quente. Saio com ele quando realmente preciso. Quando vejo que ta fazendo sol, e que a temperatura não ta tao baixa assim, arrumo o meu pacotinho e vamos respirar ar gelado fresco.

Mesmo com neve, tem dias que a temperatura não é tao baixa assim. A neve parece que camufla o frio, não sei explicar o porque, mas da sensação de menos frio, quando neva. Então, quando faz sol, mesmo que a temperatura esteja baixa, e nos de saco cheio de ficar respirando oxigênio queimado do aquecedor, vamos à rua para fazer uma caminhada e receber um pouco de luz solar.

Passeando em um dia de sol de inverno
Tudo congelado

Por causa da falta de sol que temos aqui, o Luigi precisa tomar vitamina D. Ele toma desde que nasceu, e deve tomar todos os dias no primeiro ano de vida. Eu relutei no começo, dei um pouco e parei, mas depois, conversei com a pediatra e ela me convenceu a dar, pois mesmo ele pegando sol, dentro de casa, através do vidro da janela, ainda não é o suficiente para ele se desenvolver bem. Afinal, o sol é essencial para a vida.

No inverno os dias são mais curtos. Amanhece 8h mais ou menos, e anoitece antes das 17h. No verão é o contrario, amanhece antes das 6h e anoitece as 22h. Primavera e Outono são estacoes de transição. Temos MUITA neblina aqui na minha região. Daquelas que você não vê nada além dos próximos 5m de distancia. Todos os anos ocorrem vários acidentes por causa disso.

Quando neva, fica impossível de andar, os flocos de neve vem em direção ao seu rosto e é horrível para enxergar, também acontecem vários acidentes por ano por causa da neve. Os carros passam tirando a neve das estradas antes do amanhecer, mas se neva muito forte, a parte que fica em baixo(a neve velha), vira gelo, e o trator não consegue tirar, então os carros acabam escorregando ao frear.
Luigi observando sua primeira neve
O vidro da janela separa o calor do frio

Nosso boneco de neve

Porque a gente também brinca na neve

Amor

A estradinha que sempre pegamos
No sling é mais quentinho

que a Itália é Pais de velhos, todo mundo sabe. Os idosos duram muito por aqui, acho que o clima ajuda. Mas é esse fator o mesmo causante de varias mortes todos os anos também. No verão, morrem por causa do calor. No inverno por causa do frio.  Morre por acidentes causados pelo frio, morrem de hipotermia, morrem por tragédias. Procurei alguma reportagem em português sobre a Itália para mostrar pra vocês, mas só achei esta:


Aqui na minha região também é conhecida pela alta umidade. Quase nunca fica abaixo dos 70%, ou seja, no verão é insuportável de tão quente. Por causa da umidade alta, o corpo transpira menos, e como não transpira, não libera suor, então o corpo fica mais quente, ferveeeeendo. As gravidas, velhos e crianças são os que mais sofrem.

Bom, pra ser sincera, eu ainda não acostumei com esse clima daqui. Na Espanha era menos frio, e menos quente que aqui, ou seja, mais habitável. Quem cresce aqui, acaba de acostumando, mas quem chega depois de grande, demora a se adaptar.

O clima é um fator decisivo na personalidade das pessoas. Sabia que pessoas de países mais quentes são mais calorosas? Nos de países quentes, quando viemos à Europa, sentimos logo a frieza não só do clima, mas das pessoas. E segundo a minha experiência, pelos países que eu passei, e pelas pessoas que conheci, nos somos muito mais receptivos que pessoas de países frios.

Enfim, é isso gente. Querem ver como é o clima em outros países deste mundão? Passa la no site do Mães Internacionais e da uma olhada.

4 comentários:

  1. Adorei, Milena, é isso mesmo. E aqui também temos alta umidade. Ai, ai, quero ver as próximas estações!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. adorei o pot vevendo e aprendendo muito novidades pra mim hihi...o Luigi tahc ada dia mais lindooo

    ResponderExcluir
  3. Que delícia essas fotos! Eu moro em Portugal, e o frio aqui é bem tranquilo, parecido com o Brasil. O que por um lado é bom e por outro é chato, porque curtir a neve assim deve ser bem legal.
    Minha vidinha em Portugal estou registrando aqui www.cdesimples.blogspot.com se puder passa por lá!
    Adorei o blog, bjs

    ResponderExcluir
  4. Amey as fotos, nossa corageeem com esse frioo !!!
    Deve dar muito trabalho mesmo ficar colocando e tirando roupa assim, se fosse com o Enzo ele iria me matar hahaha

    tem selinho no blog para vc bjs

    http://maeefeliz.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Tá todo mundo comentando!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...