25 maio 2012

Nossos dois anos de amor

Há 2 anos atrás um rapaz estava em uma baladinha da Gold Coast chamada SinCity, ele viu uma mocinha que estudava na sua sala e que costumava compartilhar gentilmente o seu dicionário, chegou na sua frente e disse: Você é a menina mais linda da escola.(bem clichê né? Para não dizer brega!!! Tão, tão, tão brega que a mocinha nem quis saber se era verdade, achou fofo mas lançou: Você é muito novo para mim. Sou DOIS anos mais velha que você, desculpa gato, mas não vai rolar.

O mocinho foi valente, resistente e seguro, encorporou seu olhar mais sedutor, tipo conquistador, vestiu as roupas da maturidade e confiança e disse-lhe: (frase censurada!)*
A mocinha sorriu sem jeito, não esperava tal atitude daquele pivete, comparado àquela grande mulher que ela se auto-intitulava, no auge dos seus 21 anos de pura experiência de vida, maturidade e sabedoria, lhe deu um beijo no rosto e susurrou: Nós somos apenas amigos, sorry.

O rapaz, como já mencionado, tinha uma auto-estima invejável, e realmente acreditava que aquela mocinha que ele compartia as manhãs de aulas de inglês, era a escolhida para ser a mãe dos seus filhos. Ele estava decido em conquista-la. Eles aproveitavam as suas noites, cada um com seu grupo de amigos, mas ele não a perdia de vista, pensava: "Vou conquistá-la, vou beija-la e ela vai se render aos meus encantos". A mocinha pensava: "Ai, aquele carinha da minha sala, ele é tão legal, inteligente, bonito, mas é um pirralho para mim, não, não rola!"

Naquela noite o mocinho resolveu insistir com a mocinha para ver o que rolava, ele tentou, tentou, tentou, e ela sempre irredutível: "Não cara, de boa, sou mais velha que você. VAZA!" O mocinho se decepcionou e foi embora, eles se distanciaram na escola, perderam a amizade e nunca mais voltaram a se falar direito depois dessa noite.


***


A estória não teve um final feliz. Estória mesmo com "e" porque ela não foi real. Não totalmente.

Naquela noite de balada, depois de uma dosagem suficientemente válida de alcool a mocinha foi contagiada pela auto-estima daquele rapaz e acreditou em todo o seu potencial de beleza "Sou a garota mais linda da escola!", o mocinho tentou, tentou e tentou, a mocinha rejeitou, falou, esnobou, até que.. tchan! Foi o beijo mais gostoso que ela sentiu, e aquela frase censurada realmente ganhou sentido quando ela beijou desafiadamente aquele pivete para ver se ele dava conta do recado como ele tinha dito prometido.

Ela não se arrependeu, e não se arrepende até hoje. Dois anos desde que aquele beijo aconteceu e tanta coisa mudou, de mocinha ela se tornou mulher, de mulher ela se tornou mãe, de mãe ela está se tornando esposa. O mocinho foi uma das melhores coisas que aconteceu na sua vida, e apesar de muito ter mudado uma coisa é permanece: Aquele beijo. Ah, aquele beijo! -Suspiros.


***


Parabéns para nós Milena e Alan, pelos nossos 2 anos de muito sentimento, muito aprendizado, carinho, respeito e amor. Parabéns para o nosso bebê que faz 7 meses hoje, o pedaço do nosso amor. Obrigada por compartilhar a vida comigo. Te amo muito.

Milena Lanne Barros Eleotério Formagio



3 comentários:

  1. Oin q fooooofo!
    amei!
    Parabens pra vcs!

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Adorei o blog, muito lindo, amei tudo.
    Parabéns mesmo, vou sempre estar aqui (:

    ontendency.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Milena Lanne já estou sabendo que virou Milena Lanne Formagio (não sei se é bem assim, mas sei que acrescentou o FORMAGIO, rsrs) e venho a te desejar tudo de Melhor que Deus possa fazer na sua vida, felicidade para a família.

    Xará tem selinho pra você lá no blog.

    Beijos em você e no LINDO do Luigi.

    Myllena Alves "My Realizando Sonhos".

    ResponderExcluir

Tá todo mundo comentando!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...